Skip to main content

São-14 e a Jornada “Lendas Perdidas”

Nesta semana surgiram em Destiny 2, informações sobre uma jornada que responderia um mistério relacionado a história de Osiris. O destino do lendário Guardião, São-14. Após o reset semanal, ganhamos acesso a Jornada de Mercúrio.

Quem é São-14

Para quem não sabe, São-14 é uma lenda em Destiny. Um Titã Exo, que lutou na batalha dos Seis Frontes, na batalha da Fenda do Crepusculo, mas se tornou conhecido principalmente devido as suas lutas contra os Decaídos. Podemos dizer que assim como “Osiris era Zavala antes de Zavala”, São-14 foi Osiris antes de Osiris. A diferença de São-14 para os demais, é que ele era querido por todos.

O item “Elmo de São-14” é justamente o capacete que ele usava. Aliás, ele é mais conhecido por ter derrotado um dos principais Kells dos Decaídos, Solkis, com uma cabeçada. São-14 era o primeiro homem de confiança do Porta-Voz, e foi ele que indicou Osiris para ser o primeiro lider da Vanguarda. Após a expulsão de Osiris da Torre, São-14 recebeu a missão de encontrá-lo e trazê-lo de volta.

Honrando a Lenda

São-14 é um personagem que lembra um cavaleiro clássico. Alguém que luta pela justiça, é leal, e não abandona seus ideais. Mais que tudo, São-14 é um personagem de fé. Realizou uma cruzada contra os Decaídos, e lutou a batalha dos Seis Frontes inspirado pelo Guardião “salvador” que logo chegaria.

O Titã chegou a dizer que esse salvador chutaria Crota da Lua. Cayde-6, em conversa com Shaxx, resolveu apelidar um Guardião novato no Crisol de “O Fim de Crota”. Essa história é contada na versão atual do item “Elmo de São-14”.
Fica um tanto óbvio que estamos falando de você, Guardião/Jogador. Após a ultima expansão em Destiny, foi adicionada uma carta de Grimório chamada “Entre tantos Guardiões”, que conta os feitos de um Guardião especial que resolveu todos os problemas da Vanguarda. Em Destiny 2, Amanda Holliday diz para Zavala que “está com seu guardião favorito”. Existem diversos momentos no jogo em que o seu personagem é citado como um prodígio, alguém fora do comum.
Aliás, isso encaixa com o slogan do jogo, “Become Legend“, traduzindo livremente como “Se torne Lenda”. Durante sua Jornada, sua vontade vai ser colocada a prova, assim como foi com São-14. Outro detalhe sobre as crenças de São-14, é que ele era o único Guardião que acreditava na Treva não só como um poder, mas sim como um inimigo real que pode ser derrotado em batalha.
Bom, se você já atingiu o final da campanha de Destiny 2, consegue ligar os pontos. São-14 acreditava em nós, e no inimigo, então nossa principal batalha ainda está por vir. Atualmente, temos que construir sua principal arma, a Escopeta Paradoxo Perfeito.

Paradoxo Perfeito

Osiris partiu da Torre direto ao encontro dos Vex, pois sua intenção era descobrir seu plano e impedi-los. São-14 acabou perdido junto com Osiris, e nada mais se soube da história de ambos. Até a primeira expansão de Destiny 2, onde encontramos Osiris, e vamos descobrir o que houve com o Titã Lendário.

A primeira pista encontramos na Aventura “Acima e Acima” durante o futuro negro em Mercúrio, um corpo flutuante enrolado em fitas roxas dentro de uma câmara fechada. Teoricamente, São-14 não encontrou Osiris mas se uniu a sua luta, mas ele acabou preso em um paradoxo onde os Vex precisaram concentrar recursos e criar uma Mente apenas para sua destruição. Esse foi o fim de São-14, e sabemos disto devido aos itens “Pombo Cinza de São-14” (sua nave) e “Paradoxo Perfeito” (sua escopeta).

Ao acessar o Lore dos itens, descobrimos primeiro que São-14 queria que Osiris ficasse na Torre, e que ele partiu para o seu fim, dizendo que em algum momento Osiris receberia a noticia do que houve com ele. Nos registros da nave, ele também cita o Porta-Voz, a quem ele chama de “Pai”, dizendo que seu dever chegou ao fim. Sua ultima mensagem vai para a sua “Inspiração”; ele diz somente que vai retornar o presente que recebeu.

Já em sua arma, ele fala sobre a Mente que foi construída, ajustada para sua Luz, e que ele destruiu muitos Vex em suas batalhas e que ele descansa sobre o casco despedaçado de seu inimigo. São-14 deixa uma mensagem novamente para a sua “Inspiração”, dizendo que tudo que o restou foi sua arma, e que ela deveria retornar para a pessoa que a criou.
Nos detalhes de sua nave, existem fitas roxas, iguais as que vemos no corpo que flutua na simulação Vex. Importante lembrar que encontramos o possível corpo de São-14 em uma simulação, e não em um momento real. Por mais que as simulações Vex sejam capazes de nos matar, isso é o que justifica o termo “Paradoxo”. Paradoxo são contradições lógicas, algo que pode ser afirmado mas vai contra a ideia que a gerou. Em ficção cientifica, paradoxos temporais são derivados de viagens no tempo para o passado; onde o viajante causa um efeito que altera o tempo, criando diferentes linhas temporais. Talvez São-14 esteja preso em um paradoxo; onde está vivo e lutando contra os Vex, ou morto na simulação do futuro negro onde os Vex vencem.

Como liberar a Jornada Lendas Perdidas

Para ter acesso a jornada que nos presenteia com a arma Paradoxo Perfeito, é necessário completar cinco (05) Profecias Perdidas do Irmão Vance, e então ele nos entregará o Outro Verso das Profecias Perdidas. São 11 profecias ao todo, as quais são liberadas 3 diferentes toda semana. Então se você ainda não completou o mínimo de cinco, na próxima semana tem mais 3 chances para você alcançar este número.

Depois de conseguir destravar a Profecia Perdida, você receberá a Jornada. A descrição da Jornada pode ser encontrada na base de dados do jogo. Veja os passos abaixo:

  1. Sinal da Luz: siga um antigo sinal até sua fonte
  2. Visite o Irmão Vance: Conte ao Irmão Vance sobre a fissura de Luz que você encontrou na Floresta Infinita.
  3. Nem mesmo a Treva: Adentre a Floresta Infinita em busca de São-14.
  4. Visite o Farol: Conte ao Irmão Vance sobre o destino de São-14.
Após essa primeira missão, que é nível 300 de poder, vamos ao verdadeiro grind. Para completar a segunda fase da jornada, você precisa juntar itens específicos. A quantidade é de 2 itens de cada. Estes itens são obtidos de várias formas.
  • Cultura Radiolária Concentrada: baús, eventos públicos heroicos ou entregar 10 “Culturas Radiolárias” para o Irmão Vance
  • Amplificador Paradoxo Avançado: assaltos e aventuras heroicos, crisol
  • Flor de Hermaion Fossilizada: anoitecer, desafio dos nove, assaltos heroicos
Essa é a parte mais complicada da jornada, realmente pode demorar para conseguir todos os itens. Abuse de itens vendidos nos NPCs que aumenta a quantidade de recompensas ou mesmo os Fantasmas que ajudam a localizar baús, etc. Ao concluir, vamos para a terceira parte,  a missão “Nem mesmo a Treva”. Nessa missão avançamos novamente pela simulação Vex do futuro negro, e enfrentamos um Minotauro Vex que está guardando a entrada da Câmara de São-14.
Depois disso, reportamos ao Irmão Vance o que aconteceu. Ele completa o nosso cubo da Profecia Perdida, e então podemos forjar a Escopeta Paradoxo Perdido. Assista abaixo o vídeo do canal NEARplayss, onde ele relata como fazer essa jornada.

E aí, curtiu conhecer mais sobre a lenda de São-14? Deixe seu comentário, e nos conte o que você acredita, e qual a sua teoria.

E para ficar ligado sobre tudo em Destiny 2, siga nossas redes sociais:

omegawpnx

Guardião renascido em 23 de Julho de 2014 (Beta). Primeira versão é Exo Arcano; hoje é Titã/Desperto. Sua simulação Vex é encontrada no Xbox.